Museu da Cidade do Recife promove oficinas gratuitas na 16ª Semana de Museus 

Atividades manuais para a criançada e a família estão na programação do Museu da Cidade do Recife de 15 a 20 de maio, quando acontece em todo o Brasil a 16ª Semana Nacional de Museus. As brincadeiras foram pensadas para estimular o visitante a conhecer a história do Forte e a nova exposição “Cinco Pontas” de maneira lúdica, num exercício de aprendizado que envolva mais diversão manual e menos virtual.

Confira a programação:

Todos os dias, de 15 a 20 de maio, das 9h às 17h –  Jogo “O Forte e o Tempo”

A atividade estimula os visitantes a interagir com a fortaleza de maneira diferente. Após passear pela nova exposição “Cinco Pontas”, eles podem jogar, respondendo perguntas para construir seu “próprio forte”. A disputa é para todas as idades e ideal para ser partilhada em família.

Sábado, 19 de maio, às 10h – “Monstros marinhos”

No tempo das grandes navegações, acreditava-se que bestas marinhas atacavam aqueles que se atreviam a se lançar nas vastidões oceânicas. Alguns desses animais são vistos nas paredes, em mapas e nos belos azulejos holandeses expostos no “Cinco Pontas” e poderão ser recriados pelos visitantes, que – com cola e recortes – vão montar seu próprio monstro.

Sábado, 19 de maio, às 15h – “ARTElharia”

O educador Victor Vasconcelos vai ensinar a confeccionar, em uma oficina lúdica, peças de artilharia militar (como arcabuzes e espadas) por meio da técnica de esculturas com balões. A partir da produção dos objetos, os visitantes vão aprender qual a utilidade de cada item na defesa das fortificações. Crianças a partir de 10 anos podem participar. São apenas 20 vagas e a inscrição deve ser feita pelo e-mail: educativomcr@gmail.com. No ato da inscrição, é preciso colocar nome completo e idade da criança, além de um telefone para contrato com o responsável.

SEMANA – Com o tema “Museus hiperconectados: novas abordagens, novos públicos”, o evento promovido pelo Instituto Nacional dos Museus (Ibram) levanta a bandeira da tecnologia como forma de modernizar os acervos e se conectar criativamente com o público, sem, no entanto, se afastar das estratégias offline de interação. O evento acontece em comemoração ao 18 de maio, Dia Internacional de Museus.

By | 2018-05-14T19:21:27+00:00 14 de Maio de 2018|Notícias|0 Comentários

Deixar Um Comentário